Apoiado

Em sintonia com as manifestações populares, o presidente da Assembleia, deputado Ricardo Motta (PMN), defende o plebiscito como forma de ouvir a sociedade. Motta acredita que a reforma politica já deveria ter saído do papel.

“Sou a favor de um plebiscito sugerido pela presidente para que se questione a população acerca da reforma política, mas acho o tempo exíguo e temo que uma discussão açodada possa comprometer o resultado que essa votação possa ter no Congresso Nacional. Até porque qualquer regra para as eleições de 2014 tem que ser aprovada até outubro próximo”, disse.

Ricardo-Motta

{module Banner Entre Notas}

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.