Aplicativo Acolhe Saúde RN é lançado e irá destinar profissionais de saúde para hospedagem no Hotel-Escola Senac Barreira Roxa

Fecomércio RN

Foto: Divulgação

Foi lançado neste sábado (18), o aplicativo Acolhe Saúde RN, que fará a triagem dos profissionais de saúde do estado que irão se hospedar no Hotel-Escola Senac Barreira Roxa. O aplicativo foi desenvolvido pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (Lais) e lançado durante coletiva de imprensa da Sesap.

“É uma importante parceria, uma parceria vitoriosa entre o Governo do Estado e o Sistema Fecomércio que nos ajuda a criar um cenário favorável. Dessa forma, vamos proteger os profissionais de saúde que estão trabalhando nas unidades de saúde e seus familiares”, afirmou Petrônio Spinelli, secretário adjunto estadual de Saúde.

“Esta é mais uma ação nossa no enfrentamento a esta pandemia. Diante da gravidade deste momento em que estamos passando, desde o início nos pusemos a disposição para ajudar no que fosse preciso. Temos consciência da nossa responsabilidade social, e este é um momento de unirmos forças para superar esta crise. A ideia é que o equipamento seja a segunda casa dos médicos, enfermeiros e profissionais da saúde em geral”, declarou o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz.

O diretor regional do Senac, Raniery Pimenta, representando o presidente Marcelo Queiroz, explicou sobre as mudanças que aconteceram no hotel para os novos hóspedes, como a separação das camas, mantendo sempre 1,5m de distância entre elas; além da retirada de itens decorativos como abajures e cortinas, restando apenas objetos essenciais. Espaços de lazer como piscina, academia, salão de jogos, brinquedoteca, bar e café estão todos interditados para circulação. As três refeições diárias serão oferecidas no restaurante Newton Navarro, que terá espaços marcados para circulação e aproximação.

“Toda a estrutura do hotel foi reformulada para receber os profissionais que estão saudáveis para continuarem saudáveis e não terem contato com familiares que estão com sintomas. Os nossos colaboradores foram treinados de acordo com a hotelaria hospitalar para recepcionarem e atenderem os profissionais”, detalhou Raniery. Foram investidos quase meio milhão de reais, sendo R$ 350 mil por parte do Sistema Fecomércio RN e R$ 159 mil pelo executivo estadual.

O aplicativo Acolhe Saúde RN já está disponível para os profissionais de saúde fazerem o seu cadastro, cabendo a Sesap a triagem de quem irá se hospedar no Hotel-Escola. O profissional poderá ficar no hotel por 14 dias, podendo prorroga no r. A previsão é que cerca de 200 profissionais se hospedem na estrutura.

“O aplicativo foi desenvolvido pelo Lais e a Sesap irá fazer todo o controle de entrada e saída dos profissionais. Além disso, os dados irão ajudar nas ações estratégicas de proteção desenvolvidas pelo Governo do Estado, já que os profissionais da saúde são os mais infectados com o coronavírus”, comentou Ricardo Valentim, coordenador do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (Lais) da UFRN.