Arrecadação do Rio Grande do Norte encolhe 18,3% em maio

A arrecadação de tributos no Rio Grande do Norte tem reduzido gradativamente mês a mês depois da pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Em maio, o estado recolheu R$ 77 milhões a menos que no mesmo mês do ano passado, uma queda de aproximadamente 18,3%. No mês anterior, essa redução havia sido de 15%, indicando a tendência de diminuição do volume mensal arrecadado. A baixa foi puxada pela queda no recolhimento do Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS), que caiu 16%.

Os dados publicados na sétima edição do Boletim Semanal da Atividade Econômica, divulgada na tarde desta sexta-feira (5) pela Secretaria Estadual de Tributação (SET-RN). A publicação reúne informações sobre os principais indicadores das operações comerciais realizadas no estado.  O objetivo do informativo é acompanhar semanalmente os impactos das medidas de combate à pandemia da Covid-19 na economia potiguar. O boletim traz O material está disponível para download no site da SET-RN (www.set.rn.gov.br).

“Já estimávamos que a queda na arrecadação seria maior que a de abril, cuja arrecadação ainda sofreu influência de março. As receitas de maio já contemplam o todo o período de distanciamento social em que a maioria dos estabelecimentos permaneceu fechada, reduzindo assim a atividade econômica. E a tendência nos próximos meses será de diminuição. Daí a importância, desse monitoramento que fazemos com este boletim”, avalia o secretário estadual de Tributação, Carlos Eduardo Xavier.

Leia Mais

Pagamento de 13º para Bolsa Família deve custar até R$ 2,6 bilhões

Agência Brasil

Começam a ser trocados os nomes nas fachadas de ministérios, em Brasília.
José Cruz/Agência Brasil

O pagamento do décimo terceiro para o Bolsa Família, prometido nesta quinta-feira (4) pelo presidente Jair Bolsonaro, custará entre R$ 2,4 bilhões e R$ 2,6 bilhões, disse ontem (5) o secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues. Ele disse que a equipe econômica verificará se existe espaço no orçamento para a medida.

“Alocaremos recursos para pagamento do Bolsa Família conforme seja a decisão política”, declarou Rodrigues. Ele acrescentou que o atendimento à população mais vulnerável é uma das prioridades do governo, principalmente com a pandemia provocada pelo novo coronavírus e disse que o atual governo ampliou o alcance do Bolsa Família.

O secretário especial de Fazenda, o secretário executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys, e o secretário de Orçamento Federal, George Soares, convocaram entrevista coletiva nesta tarde. Eles reiteraram que a transferência de R$ 83,9 milhões do programa para a Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) não prejudicou nenhum beneficiário do Bolsa Família, porque 95% dos beneficiários migraram para o auxílio emergencial de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras), pago a famílias afetadas pela pandemia.

Leia Mais

Comércio varejista do Rio Grande do Norte deixou de faturar R$ 160 milhões por causa da pandemia

Fecomércio RN

O presidente da Fecomércio Rio Grande do Norte, Marcelo Queiroz, afirmou que, por causa do decreto do Governo do Estado, que permite a abertura somente dos estabelecimentos considerados essenciais, hoje 46 mil empresas do comércio varejista deixaram de faturar perto de R$ 160 milhões. Dos 51 mil empregos com carteira assinada que geravam, 6 mil deixaram de existir. Isso equivale a mais de 65% do total de demissões no Estado ao longo da pandemia.

Segundo o dirigente, outros 83 mil empregos foram impactados pela MP nº 936/2020 (que permite a redução de salários e a suspensão de contratos de trabalho durante a pandemia). Isto equivale a 16% do total de empregos formais (586 mil profissionais) gerados pelo setor privado no Rio Grande do Norte.

​”Mas nós precisamos estar preparados para a retomada das atividades, assim que for possível. Precisamos nos sentir e ser produtivos. Na reabertura das lojas, vamos seguir com rigor as orientações das autoridades para garantir a saúde e o bem-estar de funcionários e clientes”, declarou o presidente Marcelo Queiroz em live, no dia 3 de junho, no Instagram da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

Leia Mais

Resultado da vacina contra covid-19 da Oxford deve sair em setembro

R7

Testes liderados pela Unifesp no Brasil contarão com 2 mil voluntários
Arquivo/Freepik

A empresa AstraZeneca, em conjunto com a universidade britânica de Oxford, anunciou nesta sexta-feira (5) que iniciará testes da vacina contra a covid-19 em pacientes brasileiros e que os resultados devem ficar prontos em setembro.

Os testes foram liberados pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), em uma publicação no Diário Oficial na última terça-feira (2) e testará, em sua fase inicial, 2 mil brasileiros.

Apesar disso, os ensaios clínicos em humanos já acontecem desde o final de abril com pacientes britânicos, e a empresa afirma que decidiu não esperar o resultado dos testes para iniciar a produção.

“Estamos começando a produzir esta vacina agora, tem que estar pronta para quando tivermos os resultados”, explicou o diretor executivo da empresa, Pascal Soriot para rede britânica BBC na quinta-feira (4).

Leia Mais

TRT retoma produção do programa “Justiça e Trabalho” exibido pela TV Assembleia

 O“Justiça e Trabalho” está de volta. O programa de televisão realizado pelo Tribunal Regional do Trabalho da 21ª (TRT-RN), por meio da sua Divisão de Comunicação Social (DCS), retorna esta semana à grade da programação de cinco canais locais de televisão.

São 20 minutos semanais dedicados a informações sobre as relações trabalhistas e ações da Justiça do Trabalho no Rio Grande do Norte, por meio de reportagens e entrevistas, com conteúdo dinâmico e atual.

O programa vai contar com um time de jornalistas com muita experiência em televisão: Heloisa Guimarães na apresentação e edição e Carol Reis e Rafael Lopes na reportagem. A produtora de conteúdo Cropping é a responsável pela direção e edição.

Leia Mais

Live “Diálogos Culturais” mostra a música de Ivando Monte neste sábado (6)

O trabalho de um dos mais versáteis compositores da nova cena musical potiguar estará em destaque na live “Diálogos Culturais”, da Fundação José Augusto (FJA) deste sábado (06), a partir das 17h, que traz a obra do músico natalense Ivando Monte, que desenvolve uma carreira voltada para a interpretação e criação da música popular.

A transmissão será realizada no perfil @culturarn do Instagram e pelo Facebook da FJA. A ação integra o projeto #toemcasatonarede que incentiva as pessoas a ficarem em casa para o enfrentamento à pandemia da Covid-19.

Ivando Monte

Natural de Natal/RN, na sua infância teve contato com música através da rádio tendo a oportunidade de escutar o chorinho, a bossa-nova, o baião e outros ritmos brasileiros, quando conheceu a canção que lhe conquistou o coração, “João e Maria” de Chico Buarque e Sivuca. Com a Influência de Chico Buarque, Luiz Gonzaga e Geraldo Azevedo e com inspiração na natureza e em fatos que acontecem na sua vida, começou a escrever aos 14 anos de idade quando também fez parte do coral da Escola Estadual Tiradentes.

Leia Mais

SMS retoma mutirões de mamografia com novas práticas contra Covid-19

A  Secretaria Municipal de Saúde (SMS-Natal) retoma os exames de mamografias na Unidade Móvel a partir de 8 de junho. Novas práticas serão incorporadas visando resguardar as pacientes e profissionais, minimizando os riscos de contaminação pela Covid-19.

Começando pela fila de espera, onde a distância entre as pacientes será de dois metros, todas usando máscaras – aquela que porventura não tiver, será disponibilizada; antes de subir na unidade móvel, a temperatura de cada mulher será verificada por termômetro digital infravermelho de testa e será fornecido álcool a 70% para higienização das mãos; na recepção, foi instalada uma divisória de acrílico, além do uso de álcool a 70% e luvas; e as técnicas usarão capotes, luvas e máscaras de acetato. 

De 8 à 12 de junho, à exceção dos finais de semana e o feriado de Corpus Chirsti (11), e de 15 à 19 de junho a unidade móvel estará, das 7h30 às 15h, na Policlínica Dr Zeca Passos, situada à Praça Augusto Severo, na Ribeira. A demanda de pacientes continua a ser livre, com distribuição de fichas sempre no início do expediente e com atendimento das 7h30 às 15h. 

Leia Mais

Bolsonaro confirma mais duas parcelas do auxílio emergencial

Agência Brasil

Live semanal Bolsonaro
Live Semanal Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta quinta-feira (4) que foi acertado o pagamento de mais duas parcelas do auxílio emergencial, mas com valor inferior aos atuais R$ 600. A informação foi dada pelo presidente durante sua live semanal, transmitida pelas redes sociais.  

“Vai ter, também acertado com o [ministro da Economia] Paulo Guedes, a quarta e a quinta parcela do auxílio emergencial. Vai ser menor do que os R$ 600, para ir partindo exatamete para um fim, porque cada vez que nós pagamos esse auxílio emergencial, dá quase R$ 40 bilhões. É mais do que os 13 meses do Bolsa Família. O Estado não aguenta. O Estado não, o contribuinte brasileiro não aguenta. Então, vai deixar de existir. A gente espera que o comércio volte a funcionar, os informais voltem a trabalhar, bem como outros também que perderam emprego”, disse. 

O auxílio emergencial foi aprovado pelo Congresso Nacional em abril e prevê o pagamento de três parcelas de R$ 600 para trabalhadores informais, integrantes do Bolsa Família e pessoas de baixa renda. Mais de 59 milhões tiveram o benefício aprovado. O novo valor ainda não foi anunciado pelo governo.  

Leia Mais

Prefeitura de Parnamirim decreta proibição de fogueiras e fogos de artifício

A Prefeitura de Parnamirim, por meio da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente, publicou  ontem (4), a partir do decreto n° 6.261 no Diário Oficial do Município (DOM), a proibição de fogueiras e fogos de artifício. A medida faz parte de mais uma ação de combate à pandemia do novo Coronavírus e tem como objetivo resguardar e conscientizar a população a respeito do isolamento social, evitando as naturais aglomerações presentes no período junino, em celebrações e fogueiras promovidas em espaços públicos ou privados.

A medida proíbe também, enquanto perdurar a situação de calamidade pública, a comercialização de fogos de artifício e a liberação de alvarás para venda. A decisão considera a notória superlotação das instituições hospitalares públicas e privadas e, ainda, a possibilidade de intoxicação por fumaça
e acidentes causados por fogo, além da preocupação dos órgãos vinculados ao sistema de saúde, sobre o ações que possam comprometer a eficácia do isolamento social.

Leia Mais

Projeto que exige fisioterapeuta por tempo integral em CTI é aprovado

R7

Texto foi aprovado nesta quinta-feira (4)
Rahel Patrasso/File Photo/Reuters

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (4) projeto de lei que determina a permanência de fisioterapeutas em CTIs (Centros de Terapia Intensiva) adulto, pediátrico e neonatal 24 horas por dia. A matéria segue para o Senado.

“A ausência do fisioterapeuta em um período de instabilidade, intercorrência, admissão de um paciente crítico pode comprometer a qualidade da assistência prestada. A atuação do fisioterapeuta em terapia intensiva, em plantão de 24 horas é importante para combater a redução do tempo de ventilação mecânica, no tempo que o paciente passa internado e sua permanência na própria CTI, além da redução dos custos hospitalares”, argumentou a deputada Aline Sleutjes (PSL-PR), autora do substitutivo aprovado.

O texto aprovado estabelece a obrigatoriedade da presença do fisioterapeuta de forma ininterrupta, nos turnos matutino, vespertino e noturno, perfazendo um total de 24 horas. Inicialmente, o texto da autora da proposta deputada Margarete Coelho (PP-PI), definia a presença de um fisioterapeuta para cada dez leitos, mas esse ponto foi retirado pelos parlamentares.

Leia Mais