BRASILEIROS ESTÃO FUGINDO DO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO E DOS FINANCIAMENTOS*

desemprego2

 

 

Todos os indicadores têm confirmado o arrocho provocado pela inflação nas contas domésticas. A Serasa Experian indicou a desacelaração da demanda por crédito, reflexo do freio na aquisição de bens e serviços: o aumento de 8,7% acumulado em 2013 até abril despencou para 6,4% em maio e caiu para 6,1% no mês passado.

 

Atento ao endividamento recorde dos brasileiros, que comprometia 44,3% da renda familiar em abril, e à improvável chance de melhora nesse quadro a curto prazo, o mercado financeiro diminuiu pela nona vez consecutiva a estimativa de alta do Produto Interno Bruto (PIB) neste ano. De acordo com o Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central, os analistas, que na semana passada acreditavam num avanço de 2,34%, reduziram a aposta para 2,31%. É a menor previsão desde janeiro.

 

Fonte: Folha de São Paulo.

Foto: Internet/reprodução.

 

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.