Proibido

A Justiça Eleitoral do Rio Grande do Norte determinou que o candidato Hermano Morais, o vice Osório Jácome e o pastor Silas Malafaia não promovam o ato político, que ocorreria hoje, no Centro de Convenções. Em caso de descumprimento a multa será de R$ 20 mil para cada um. A decisão judicial atendeu a pedido do Ministério Público Eleitoral. Na representação, o promotor eleitoral Giovanni Rosado destaca que tanto no Centro de Convenções de Natal, por ser bem pertencente ao Poder Público, como em qualquer templo religioso, por ser bem de uso comum, é vedada a realização de propaganda.

HERMANO

{module Banner Entre Notas}

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.