Exemplo de Débora no Fantástico

Ontem à noite o Fantástico trouxe uma bela história de força de vontade e superação. Pela reportagem de Marcelo Canellas, a Globo esteve em Natal e acompanhou a rotina da professora assistente Débora Araújo Seabra de Moura, da nossa querida Escola Doméstica. Débora, aos 31 anos, é a primeira pessoa com síndrome de Down a se formar no magistério, em nível médio, no Brasil, isso em 2005.
Fez estágio na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e há nove anos trabalha na Escola Doméstica, num belo trabalho de inclusão.

Quer conferir a bela história, visite o site do Fantástico…. http://fantastico.globo.com/

debora-seabra

{module Banner Entre Notas}

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.