Secretário de Turismo do RN é eleito para fazer parte da nova diretoria Fornatur

 

Durante a realização do Festival de Turismo de Foz de Iguaçu (PR), no mês de junho, foi eleita a nova diretoria do Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo (Fornatur). O secretário de Turismo da Bahia, Domingos Leonelli, é o novo presidente e o secretário de Turismo do Rio Grande do Norte foi eleito como vice-presidente para o Nordeste.

Ramzi Elali, secretário de Turismo do RN

Hotéis três estrelas deverão oferecer acesso à Internet e TV em todos os quartos

 

O Brasil terá um novo sistema de classificação para a rede hoteleira. A Portaria N° 100, publicada no Diário Oficial da União no último dia 21 de junho, cria o Sistema Brasileiro de Classificação de Meios de Hospedagem (SBClass) e estabelece os critérios que os hotéis deverão seguir para serem classificados de um a cinco estrelas. Entre as exigências para hotéis entre três e cinco estrelas está a obrigatoriedade de oferecer acesso à internet no quarto, além de ter aparelhos de televisão em todas as unidades.

Os critérios valem para hotéis urbanos, resorts, pousadas, hotéis históricos, cama&cafés, hotéis-fazenda e apart hotel/flats de todo o País. A portaria também cria o Conselho Técnico Nacional de Classificação de Meios de Hospedagem (CTClass).

As novas regras entram em vigor em 30 dias, a contar da data da publicação. A adesão ao sistema é voluntária.

Com a nova portaria, o uso das estrelas como símbolo de classificação hoteleira passou a ser de uso exclusivo do Ministério do Turismo. Os meios de hospedagem foram divididos em sete categorias, que podem receber de uma a cinco estrelas, conforme as novas regras: Hotel urbano – de 1 a 5 estrelas; Resort – 4 ou 5 estrelas; Hotel-fazenda – de 1 a 5 estrelas; Cama & Café – de 1 a 4 estrelas; Hotel histórico – de 3 a 5 estrelas; Pousada – de 1 a 5 estrelas; Flat/apart-hotel – de 3 a 5 estrelas.

O objetivo é que o sistema padronize e controle a qualidade dos meios de hospedagem brasileiros, garantindo maior segurança ao consumidor e criando um referencial de mercado para o empresariado. Para fazer parte do SBClass, os meios de hospedagem devem estar no Cadastro dos Prestadores de Serviços Turísticos (Cadastur) do Ministério do Turismo (MTur).

O processo de classificação é composto pelas seguintes etapas: requerimento e habilitação; avaliação técnica; homologação; emissão de certificado e outorga de placa; reavaliação periódica; recursos e denúncias.

Técnicos dos institutos estaduais de pesos e medidas, vinculados ao Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro), farão visitas técnicas para verificar em qual categoria o meio de hospedagem se enquadra.

As matrizes para a nova classificação foram elaboradas a partir de um processo participativo, com a contribuição de mais de 300 especialistas e consulta pública online. Também foram desenvolvidos testes de aplicação das matrizes em 26 meios de hospedagem de 14 estados brasileiros. Para elaborar o SBClass, o Ministério do Turismo estudou experiências de 24 países.

Fonte: Ministério do Turismo

Canções que são tradicionais no São João

 

E no clima de São João e São Pedro a coluna expõe abaixo trechos de músicas de compositores como Luis Gonzaga, Zé Dantas e Petrúcio Amorim, que são consideradas os maiores sucessos do período junino.

“Riacho do Navio

Corre pro Pajeú

O rio Pajeú vai despejar

No São Francisco

O Rio São Francisco

Vai bater no meio do mar”

Luis Gonzaga e Zé Dantas

 

” Eu não preciso de você

O mundo é grande e o destino me espera

Não é você quem me dar na primavera

As flores lindas que eu sonhei no meu verão

Eu não preciso de você

Já fiz de tudo pra mudar de endereço

Já revirei minha a vida pelo avesso

Juro por Deus não encontrei vocês mais não”

Petrúcio Amorim

Petrúcio Amorim animando o São João do Recife

Período junino aquece o turismo das cidades do Nordeste

 

Junho é o mês que antecede o período considerado pelo trade como alta estação, que é o mês julho, no entanto, os festejos juninos em algumas cidades do interior aquecem o setor devido à procura dos turistas pelas festas de São João. No Rio Grande do Norte cidades como Mossoró e Assu são consideradas pólos juninos e recebem visitantes de todo país, e em Pernambuco, Caruaru e Gravatá não ficam para trás, já no estado da Paraíba a cidade que consegue atrair o maior número de turistas é Campina Grande por sua tradicional programação de São João.

Parque Dona Lindu, mais nova atração turística do Recife

 

Passando por Recife, a coluna também conheceu o Parque Dona Lindu, obra do arquiteto Oscar Niemeyer, inaugurado no último mês de março e localizado na orla de Boa Viagem. Além do espaço para lazer e um Box para informações turísticas da cidade, o Parque tem o Teatro Luiz Mendonça com capacidade para 587 lugares na plateia. O palco é reversível para a esplanada do Parque, possibilitando a realização de apresentações ao ar livre para um público de mais de duas mil pessoas. O teatro tem duas cabines de acessibilidade comunicacional e quatro camarins, sendo dois individuais e dois coletivos.

Além disso, o Parque ainda comporta a Galeria Janete Costa, dividida em dois espaços – sala principal no térreo e mezanino com um elevador. O pavilhão de exposições tem estrutura monumental com escala de pé direito duplo, que possibilita a exposição de grandes peças. O espaço, todo branco, tem uma escada em formato elicoidal que funciona como uma escultura, característica dos projetos de Oscar Niemeyer.

Parque Dona Lindu

Exposição das obras do artista pernambucano, Abelardo da Hora, que ocorreu na Galeria Janete Costa

Terezinha do Acordeon e Quinteto Violado são homenageados pela Prefeitura do Recife

 

O secretário de Cultura do Recife, Renato Lins e a presidente da Fundação de Cultura, Luciana Félix subiram ao placo para entregar a placa em homenagem a Terezinha do Acordeon e ao Quinteto Violado. E a coluna presenciou a aprovação do recifense em relação ao São João da capital pernambucana.

Crédito das fotos: Daniela Nader

Terezinha do Acordeon animando o público presente

Terezinha e Quinteto Violado recebendo a homenagem da Prefeitura do Recife

Renato Lins antes de entregar a placa em homenagem ao Quinteto Violado

Recife investe no “São João Tradicional da Capital”

 

Investindo cada vez mais no São João da cidade, a Prefeitura do Recife convidou um grupo de jornalistas de Natal, Maceió e Aracaju para conhecer o “São João Tradicional” da cidade. No grupo estavam a coluna de turismo do VersátilNews, o nosso grande colunista Toinho Silveira, além da jornalista Zenaide Castro, que também assina um blog sobre turismo.

Com o slogan “São João tradicional, a gente faz na Capital”, este ano, são seis pólos de animação, com a inclusão do Parque Dona Lindu, em Boa Viagem. Além do Parque, a festa conta com os já conhecidos polos do Sítio Trindade (Casa Amarela), Pátio de São Pedro (bairro de São José), Praça Arsenal da Marinha (Bairro do Recife), Rua da Tomazina (Bairro do Recife) e Refinaria Multicultural Nascedouro de Peixinhos. Seguindo a política de descentralização cultural, a Prefeitura do Recife ainda apoia 18 polinhos comunitários e 14 arraiais nas regiões político-administrativas (RPAs). O São João 2011 mais uma vez reafirma os legítimos valores da cultura nordestina, celebrando o sagrado e o profano numa grande festa popular por toda a cidade.

Os festejos juninos do Recife em 2011 homenageiam a forrozeira Terezinha do Acordeon, grande representante feminina da tradição da sanfona, e o Quinteto Violado, grupo que comemora 40 anos de trajetória artística. O São João do Recife tem orçamento de R$ 5 milhões, incluindo o investimento municipal e os patrocínios da Ambev (Skol), Petrobras, Unilever (Sabão Ala) e Pitú.

A programação de shows reúne grandes nomes da música nordestina de diversas gerações como Jorge de Altinho, Genival Lacerda, Alcymar Monteiro, Azulão, Santanna, Camarão, Arlindo dos 8 Baixos, Flávio José, Paulinho Leite, Cristina Amaral, Irah Caldeira, Alceu Valença, Moraes Moreira, Geraldo Azevedo, Xangai, Luciano Magno, Coco Raízes de Arcoverde, Flávio Leandro, Nando Cordel, Novinho da Paraíba, Nádia Maia, Maciel Melo, Geraldinho Lins, Agostinho do Acordeon, Josildo Sá, João Silva, Cascabulho, Quarteto Olinda, Rabecado, Siba e a Fuloresta, Silvério Pessoa, Bongar, Pandeiro do Mestre, entre outros.

 

Crédito das fotos:Daniela Nader

Terezinha do Acordeon durante a abertura oficial do São João de Recife

Concurso de quadrilhas juninas

Público prestigia o São João da Capital

Renato Lins, secretário de Cultura do Recife e Luciana Félix, presidente da Fundação Cultura

Intercâmbio e mochilão, opções para o brasileiro

 

Em conversa com jornalistas, o gerente da filial de Natal da Central de Intercâmbios de Viagens, Áureo Paiva revelou que a CI tem um programa de mochilão por mais de 125 cidades em 20 países, onde quem faz o roteiro é o próprio turista. A empresa também trabalha com passes e bilhetes dos trens europeus, ou seja, o viajante já pode sair do Brasil com o roteiro completo e a garantia do transporte local.

E quando se fala em intercâmbio, segundo Áureo, os destinos mais procurados continuam sendo Canadá e Estados Unidos. Para saber mais informações sobre o mochilão e programas de intercâmbio é só acessar www.ci.com.br ou procurar uma filial da CI em sua cidade. A Central de Intercâmbio em Natal está localizada na Av. Romualdo Galvão e telefone para contato é 3222 – 9008.

Áureo Paiva almoçando com jornalistas

Aureo_Paiva_-CI-_Natal_abril_2011_012

Cuidados antes de viajar para a Europa

 

O gerente da filial em Natal da Central de Intercâmbio e Viagens, Áureo Paiva informa que além da bactéria E.Coli, a Europa atualmente enfrenta uma epidemia de sarampo. O turista que for viajar para a Europa nessas férias necessita ter alguns cuidados como tomar a vacina Tríplice Viral, pois é a melhor maneira de se proteger e está disponível sem custo nos postos de saúde. O prazo mínimo para se vacinar é de 15 dias antes do embarque. Segundo a Vigilância Sanitária, não é obrigatório, mas é recomendável. A CI orienta para que não viaje sem seguro médico

A CI- Central de Intercâmbio e Viagens é a maior empresa de intercâmbio e turismo jovem do Brasil. Possui mais de 60 lojas e, em seus 23 anos de atividade, já embarcou mais de meio milhão de pessoas para conhecer o mundo em viagens que unem estudo, trabalho e lazer. A CI oferece diversas opções de intercâmbio para vivência internacional, como curso de idiomas em mais de 25 países, intercâmbio de férias para adolescentes, high school, programa de au pair, estágios e trabalhos remunerados, cursos profissionalizantes, graduação, pós-graduação, extensão e MBA, seguro e assistência de viagem, emissão de passagens aéreas e tarifas especiais para estudantes, reserva de acomodações e mochilão exclusivo pela Europa.

Áureo Paiva, gerente da CI em Natal

recife_-_chao_de_estrelas

Mais São João no Recife

Durante 22 dias de festa, a programação preparada pela Secretaria de Cultura e Fundação de Cultura Cidade do Recife valorizou o autêntico forró e o talento dos músicos regionais, o bailado das quadrilhas juninas, a religiosidade das procissões e o sabor marcante da culinária típica. A festa contou ao todo com 355 artistas, concursos de quadrilhas, Caravana do Forró com shows itinerantes na Forrovioca, cidade cenográfica, brincadeiras e adivinhações populares para o público infantil, Mostra de Culinária Afro, Desfile das Bandeiras e Procissão dos Santos Juninos.

REFORÇO
Para difundir as músicas tradicionais do ciclo junino e composições dos homenageados do São João do Recife, serão editados 20 mil livretos com letras de canções, com distribuição gratuita nos diversos polos de animação. O livrinho reúne 10 músicas de Terezinha do Acordeon, 10 do Quinteto Violado, 10 músicas selecionadas pela equipe do Memorial Luiz Gonzaga e 10 músicas escolhidas pelos recifenses através de parceria com programação de rádio local.

NÚMEROS
– 22 dias de festa
– 355 artistas
– 6 polos de animação: Sítio Trindade, Parque Dona Lindu, Pátio de São Pedro, Praça Arsenal da Marinha, Rua da Tomazina e Nascedouro de Peixinhos
-18 polinhos comunitários
– 14 arraiais nas regiões político-administrativas (RPAs)
– 12 bairros recebem Caravana do Forró com shows na Forrovioca

Fotos: Daniela Nader/Prefeitura do Recife

recife_-_chao_de_estrelas

Crianças participam da festa com programação exclusiva

quadrilha_1

Detalhe do Festival de Quadrilhas

recife_-_cidade_cenografia

Cidade cenográfica montada para os visitantes

recife_-_dominguinhos

Dominguinhos solta a voz para a plateia

recife_-_petrucio_amorim

Petrúcio Amorim empolga o povo

recife_-_movimento_sitio_trindade

Movimento no Sítio Trindade

recife_-_publico_sitio_do_forro

Sítio do Forró